segunda-feira, 19 de agosto de 2013

ABRAÇO



Imenso tronco
dificil abraço
que tento
espera-me tempo.

Mãe, Pai de tudo
de todos os eus.

Delicados raios
todos os seios
fino Sol rasgado
tronos de Deus.

Árvore eterna
magia de druidas
poção imortal,
carvalhos, ciprestes
cedros e templos.

Todas as dúvidas.

Alquimista na Terra,
ao que nasce de cima
jaz o que nasce de baixo
certeza pura de Hermes.

Abraço o verde
homem que sou,
sempre da natura
voltarei à verdade.

Cheirar o ar
oxigenada proporção
que de um cosmos
apenas a sobra
abraço.


19AGOSTO2013


1 comentário: